Fui obrigado a comer minha prima para não cobrar o conserto

Description:

Como sou o “técnico” da família, sempre fui responsável por consertar os problemas no PC deles. No entanto, depois de anos indo lá arrumar qualquer problema ocorrido, chegou a época de ganhar dinheiro, não sou mais aquele garoto com muito tempo disponível.

Depois de ir lá remover vírus e formatar, meu tio recomendou que eu cobrasse, pois senão elas nunca aprenderão a não instalar qualquer programa. Ele alertou minhas primas, próximo vez vocês terão que pagar!

Como elas são preguiçosas e não trabalham desta vez teriam que evitar ao máximo ter problema.

Duas semanas depois minha prima, uma parda clara e de olhos verdes me liga pra eu ir correndo, antes que meu tio chegue do trabalho. Fui lá, já suspeitando que elas não teriam dinheiro. Chegando lá ela me disse que foi baixar um programa para limpar o nome do SPC, tão inocente ela, né?

Quando liguei o computador, tava pior que programa do Milton Neves, abria Adware a cada 5 segundos. Formatei e voltou a funcionar perfeitamente.  Na hora de ir embora já estava suspeitando que ela só iria agradecer e não iria falar nada da porcaria do dinheiro. E foi exatamente isso que aconteceu. Já nervoso, eu disse, cadê o dinheiro? Ela, não tenho dinheiro, primo.

Eu falei, já estou cansando disso, vocês são muito burras, toda vez a mesma coisa. Aí já veio com sentimentalismo barato, o que está havendo com você primo, você sempre foi meigo, hoje está totalmente diferente, você está usando droga? Eu, que porra de droga, desce a calcinha ou vou contar tudo que vejo o que você faz na internet para meu tio.

Na hora ela começou tremer e disse: você não seria capaz. Como uma noite antes estava vendo vídeos do Edir Macedo. No desespero eu disse, ou dar, ou desce!

 

A história continua.

 

Post a Comment